Prémio Lenine da Paz da Patracola

by barbeirodapatracola


Leninpeace_b (1)O Prémio Staline da Paz foi criado em 21 de dezembro de 1949 em homenagem aos 70 anos de nascimento de Josef Stalin, embora ele já tivesse 71 anos na época. O prémio foi rebatizado em 1956, como Prémio Internacional Lenine para o fortalecimento da Paz entre os povos. Todos os agraciados até então, com o Prémio Staline da Paz foram convidados a devolver as comendas para que fossem substituídas pelo prémio renomeado. Por decisão do Presidium Supremo Soviético da URSS, em 11 de dezembro de 1989 o prémio ganhou novo nome passando a ser Prémio Lenine da Paz (Prémio Internacional Lenine da Paz, em russo: международная Ленинская премия мира)1 , e parou de ser distribuído dois anos depois, em 1991.

Foi no entanto restaurado na nossa Patracola para premiar os camaradas patracolenses que mais se destinguiram ao serviço do glorioso PC da Patracola.

E os nomeados para 2015 são …

1- Ricardov Hipolitowsky

 O kamarada durante anos e anos escrevia artigos e publicava fotos da poluição em Alpiarça, nomeadamente das lixeiras a céu aberto. Graças ao abnegado trabalho deste ilustre membro do Politburo da Patracola a partir de 2009 todas as lixeiras foram erradicadas do concelho e a poluição da barragem e da vala passaram apenas a escritos do passado. É com todo o merecimento que propomos a atribuição da comenda a quem sozinho e tendo como arma apenas os seus textos e fotos conseguiu tão grande feito.

 2- Vicktor Mouratoff

 Kamarada Vicktor, um trabalhador que ao longo dos anos deu o exemplo do que é um verdadeiro komunista da Patracola. Sempre foi um trabalhador modelo em que a classe operária patracolense se reviu. Graças a ele e ao seu exemplo as gloriosas cooperativas patracolenses prosperaram e permitiram triplicar os postos de trabalho. Após essa espinhosa missão continua a manter acesa, a  chama comunista, estando sempre alerta para camaradas contra-revolucionários que boicotam o trabalho do glorioso partido Patracolense. Há que estar vigilante contra as manobras reaccionárias e contra-revolucionárias daqueles que procuram pela conversa fácil distrair os camaradas operários das brigadas de limpeza.

3- Saulóv Feiov

 Passaram 50 anos de abnegada luta contra os que conspiram na sombra contra o glorioso PC da Patracola e o kamarada Saulov manteve-se firme e vigilante na denúncia dos esbirros do capital que conspiram a toda a hora pelas ruas alpiarcenses.

Onde houver um braço da reação o kamarada Saulóv está presente. Seja dia, noite, faça chuva ou faça sol nada impede o cumprimento da sua missão e dever.

Um camarada que em troca de nada (uns almoçitos e petiscos não contam…) trabalha para a causa sem exigir absolutamente nada em troca.

 

É POIS INTEIRAMENTE JUSTO QUE ESTES SEJAM OS KAMARADAS MERECEDORES DO 1º PRÉMIO LENINE DA PAZ NA PATRACOLA PELOS SERVIÇOS PRESTADOS.

Anúncios